Para atender a RDC 430 da Anvisa, os produtos Pharmalog fazem o mapeamento térmico de rotas críticas do transporte de fármacos com tecnologia segura e de qualidade.

Você ainda tem um desses problemas?

Você ainda faz o controle manual das condições de armazenagem e transporte de fármacos termolábeis que está sujeito a erros, quee causa prejuízos à saúde aos pacientes que precisam de vacinas/remédios e financeiros às empresas.

Está em falta de monitoramento de qualidade no armazenamento e transporte, que  pode levar à perda da mercadoria, trazendo um prejuízo anual de mais de R$ 15 bilhões, segundo a Anvisa.

Sua empresa ainda não atende aos requisitos determinados pela RDC 430 da Anvisa, que fala sobre as boas práticas de armazenagem e transporte de medicamentos, o que é uma infração sanitária e deixa sua empresa sujeita às penalidades determinadas pelo órgão.

Nós solucionamos!

A Pharmalog é a única empresa do Brasil adepta do pensamento “até a última milha”, ou seja, está envolvida em todas as etapas do monitoramento de termolábeis.

A Pharmalog garante a segurança dos medicamentos em toda a cadeia logística por meio de seus dataloggers, e é a parceira ideal de clínicas, hospitais, entes públicos, laboratórios, distribuidores e transportadores.

A Pharmalog assegura a temperatura ideal da carga de fármacos ou dos ambientes onde estão armazenados com equipamentos que fazem a verificação em tempo real. Os dados são mandados para uma plataforma e salvos em nuvem, junto com o relatório final.

Você ainda tem um desses problemas?

Você ainda faz o controle manual das condições de armazenagem e transporte de fármacos termolábeis que está sujeito a erros, quee causa prejuízos à saúde aos pacientes que precisam de vacinas/remédios e financeiros às empresas.

Está em falta de monitoramento de qualidade no armazenamento e transporte, que  pode levar à perda da mercadoria, trazendo um prejuízo anual de mais de R$ 15 bilhões, segundo a Anvisa.

Sua empresa ainda não atende aos requisitos determinados pela RDC 430 da Anvisa, que fala sobre as boas práticas de armazenagem e transporte de medicamentos, o que é uma infração sanitária e deixa sua empresa sujeita às penalidades determinadas pelo órgão.

Nós solucionamos!

A Pharmalog é a única empresa do Brasil adepta do pensamento “até a última milha”, ou seja, está envolvida em todas as etapas do monitoramento de termolábeis.

A Pharmalog garante a segurança dos medicamentos em toda a cadeia logística por meio de seus dataloggers, e é a parceira ideal de clínicas, hospitais, entes públicos, laboratórios, distribuidores e transportadores.

A Pharmalog assegura a temperatura ideal da carga de fármacos ou dos ambientes onde estão armazenados com equipamentos que fazem a verificação em tempo real. Os dados são mandados para uma plataforma e salvos em nuvem, junto com o relatório final.

Nosso Propósito é salvar vidas

Através do monitoramento da cadeia de medicamentos frios e de análises de Inteligencia Artificial (IA) dos dados monitorados, garantimos aos nossos clientes total visibilidade para a garantia da estabilidade dos medicamentos.

Integramos instrumentos de última geração com a Pharmalog Cloud, nossa plataforma em nuvem.

Nossos equipamentos integram dados do monitoramento do ambiente ou de cargas, e suportam tipos diversos de dataloggers, automatizando processos e centralizando-os em um Big Data.

A Pharmalog está sempre ligada nas novidades do universo tecnológico e ao mercado, lançando novos recursos.

Monitoramos ambientes e cargas em uma única plataforma inteligente e automatizada, liberando o time de qualidade para realizar outras tarefas, para que sua empresa cumpra as exigências da RDC 430.

A Pharmalog tem a solução para você!

Problemas

Motivo

Conflitos entre clientes e fornecedores

Falta de controle tempestivo

A alteração da temperatura ou umidade de medicamentos sensíveis caríssimos pode custar perdas milionárias para os laboratórios, distribuidores, transportadores e até para hospitais e clínicas.

Monitoramento manual

Vivemos na era dos dados, que são extremamente valiosos; as empresas mais eficientes têm gestão guiada por dados. Contudo, o dado por si só não nos diz nada. É preciso interpretá-los para transformá-los em uma informação útil

Não monitoramento as a service.

Problemas

Conflitos entre clientes e fornecedores

A alteração da temperatura ou umidade de medicamentos sensíveis caríssimos pode custar perdas milionárias para os laboratórios, distribuidores, transportadores e até para hospitais e clínicas.

Vivemos na era dos dados, que são extremamente valiosos; as empresas mais eficientes têm gestão guiada por dados. Contudo, o dado por si só não nos diz nada. É preciso interpretá-los para transformá-los em uma informação útil

Motivo

Falta de controle tempestivo

Monitoramento manual

Não monitoramento as a service.

Problemas

Motivo

Infração sanitária, perda de editais, desgaste da marca, desgaste com clientes
Não monitoramento

Não investir em um sistema automatizado para mitigar perdas e se adequar à RDC 430, evitando infrações sanitárias

Falta de controle tempestivo

Conflitos entre clientes e fornecedores se tornam ainda mais difíceis quando o embasamento é subjetivo, ou seja, quando não há base em dados e o desgaste recai no fabricante ou em quem ministrou o medicamento no paciente (hospitais e clínicas)
Não monitoramento
O monitoramento na armazenagem e transporte requer rotinas, equipamentos e processos específicos que podem  ser caros e exigir horas do farmacêutico e do time de qualidade. A terceirização pode ajudar, mas nem sempre as empresas se atentam para a gestão dos dataloggers por parte das terceirizadas, assim como ao andamento correto da supply chain.
Monitoramento direto

Problemas

Infração sanitária, perda de editais, desgaste da marca, desgaste com clientes

Não investir em um sistema automatizado para mitigar perdas e se adequar à RDC 430, evitando infrações sanitárias

Conflitos entre clientes e fornecedores se tornam ainda mais difíceis quando o embasamento é subjetivo, ou seja, quando não há base em dados e o desgaste recai no fabricante ou em quem ministrou o medicamento no paciente (hospitais e clínicas)
O monitoramento na armazenagem e transporte requer rotinas, equipamentos e processos específicos que podem  ser caros e exigir horas do farmacêutico e do time de qualidade. A terceirização pode ajudar, mas nem sempre as empresas se atentam para a gestão dos dataloggers por parte das terceirizadas, assim como ao andamento correto da supply chain.

Motivo

Não monitoramento

Falta de controle tempestivo

Não monitoramento
Monitoramento direto

Problemas

Motivo

Público impactado “advogar” por solução de mínimo impacto no preço da Pharmalog perante distribuidores e transportadores
Não haver controle tempestivo
O desgaste ou mau desempenho de um medicamento atinge diretamente a marca fabricante ou  quem ministrou o medicamento no paciente (hospitais e clínicas).
Conflitos subjetivos entre cliente e fornecedor
Conflitos entre clientes e fornecedores se tornam ainda mais difíceis quando o embasamento é subjetivo, ou seja, quando não há base em dados e o desgaste recai no fabricante ou em quem ministrou o medicamento no paciente (hospitais e clínicas)
Não monitoramento

Problemas

Público impactado “advogar” por solução de mínimo impacto no preço da Pharmalog perante distribuidores e transportadores
O desgaste ou mau desempenho de um medicamento atinge diretamente a marca fabricante ou  quem ministrou o medicamento no paciente (hospitais e clínicas).
Conflitos entre clientes e fornecedores se tornam ainda mais difíceis quando o embasamento é subjetivo, ou seja, quando não há base em dados e o desgaste recai no fabricante ou em quem ministrou o medicamento no paciente (hospitais e clínicas)

Motivo

Não haver controle tempestivo
Conflitos subjetivos entre cliente e fornecedor
Não monitoramento

Vídeos e depoimentos

Veja quem já é parceiro da Pharmalog e está mais que satisfeito com os nossos serviços!

Monitoramos cargas comerciais com a plataforma Pharmalog, que atendeu às nossas expectativas, bem como dos nossos clientes. Solução e pronto atendimento de qualidade.

Clóvis Filho

Clóvis Filho

Quality Assurance | Cold Chainssurance na Viveo

Optamos por não desembolsar altos valores na compra de sensores de ambiente e data loggers afim de economizarmos horas de trabalho do time de qualidade em gestão de dispositivos e certificados com a solução na palma da mão que nos avisa para atuarmos pronta e pontualmente.

Rafael Martinelli

Rafael Martinelli

CEO na BMR Medical

    Contrate agora mesmo!

    A Pharmalog salva vidas e garante que a sua empresa cumpra as normas regulatórias brasileiras, oferecendo um serviço cuidadoso, eficiente e seguro!

    Para falar conosco, preencha o formulário!

    Não compartilharemos seus dados e não enviaremos SPAM

    Fale Conosco!